terça-feira, 18 de dezembro de 2007


Desde criança sentia curiosidade a respeito das coisas sobrenaturais, por isso, as histórias contadas por meus familiares, sobre espíritos que apareciam na casa da fazenda, onde minha mãe foi criada, sempre me facinou, também acredito que o destino me convidava desde cedo a participar da doutrina, porque aos 8 anos de idade comecei a frequentar a evangelização infantil, em um grupo da nossa cidade, por orietanção de um professor da minha 2 série, que disse a minha mãe que eu era medium. Assim, desde os 8 anos que estou aprendendo sobre essa doutrina que até hoje, só me faz amadurecer para vida, por isso a maioria dos meus posts, falam sobre a mediunidade, postar aqui é para que eu também aprenda as lições dos nossos amigos espíritas e assim estudar a mediunidade junto com todos vocês.

beijos


Baby

3 comentários:

Adriana disse...

Eeeeeeeeeee, que bom que vc voltou, Baby!!! (Quem vê assim pensa que vc passou um ano fora, né? Rsrsrs...)

Não sabia que vc era médium, vc trabalha em algum centro na sua cidade? Acho isso importante, mas não como obrigação, a pessoa deve fazer pela convicção de que pode e deve ajudar os outros, não é mesmo? Nada forçado funciona bem. Meu marido é médium e estamos organizando um local para iniciar um trabalho voltado para a cura, por isso criamos o blog magnetismo que fala tanto nesse assunto, espero que tudo dê certo!

Bom, como vc falou, a doutrina espírita de fato nos faz crescer para a vida, se conseguirmos vivenciar tudo aquilo que aprendemos com ela. Sinto-me muito bem por estar seguindo esta doutrina tão maravilhosa, que tanto esclarece e consola.

Beijos! =)

Adriana

Baby disse...

Adriana, eu trabalho no grupo da minha cidade, em reuniões duas vezes por semana, nas quartas e sextas, com fluidoterapia e atendimento aos desencarnados, boa sorte para seu marido nessa caminhada, a mediunidade de cura é uma das mais bonitas, mas tb uma das mais perigosas para o médium desavisado, postarei algo sobre, beijos e fica com Deus

Adriana disse...

Que legal seu trabalho, é muito bom poder ajudar, não é?

Quanto à mediunidade, é verdade, Baby, vc disse bem. É preciso muito estudo e lembrar sempre da recomendação de Jesus: "Orai e vigiai!"

Bjos...

Adriana